Publicado em Crônica

Coleção de Borboletas

[Escrevi ouvindo Hanging On da Ellie Goulding]

Por que você tem essa mania de me fazer perder o controle? Tem vezes que eu nem preciso olhar pra você e, mesmo assim, meu coração ameaça sair pela boca. Estou me sufocando ao guardar esse segredo só pra mim, por tanto tempo. Embora eu não queira te fazer sentir culpado pela minha dor, não sou boa com disfarces e você já deve ter percebido.

Quando eu estou a ponto de desistir, você surge como um arco-íris recolorindo toda destruição feita pela tempestade. Eu quero te amar, mas não é do meu amor que você precisa. E o que eu faço agora com as borboletas que colecionei no estômago?

Não entendo porquê você insiste em se aventurar nas montanhas russas, se admirar as nuvens, do chão, é bem mais tranquilo. Convido você a escapar dos meus sentimentos enquanto há tempo e levar essa coleção de borboletas de companhia. Dessa forma, você saberá o quanto o amor fere àqueles que não estão prontos para amar.

Anúncios

Autor:

E-mail: blairpttsn@gmail.com Defenda o que você acredita e tenha orgulho por quem você é!

^-^ Me conta o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s