Publicado em Comportamento, Crônica, Diário

Transbordando

tumblr_odaqvkrqyk1ug2e72o1_500

Olá, gaveteiros. Como vocês estão?

Se algum de vocês conversassem com a Blenda de 2015 e a contasse que ela deixaria de ter vergonha de assinar as próprias crônicas – se escondendo atrás do seu pseudônimo – e escolheria o curso que sonhava sem medo de ser feliz, ela não acreditaria! Ela bateria o pé e diria “claro que não“, achando muita graça.

Eu não sei explicar exatamente o que aconteceu no caminho. Foram tantos baixos que eu cansei. Eu queria conhecer os altos também. Eu colocava limites sobre mim mesma e eles deixaram de fazer sentido quando eu me dei asas para me conhecer melhor.

(E agora nem as fronteiras serão meus limites “R.I pra não chorar!” hahsuahs).

O que eu quero dizer é que eu ainda estou me adaptando a essas mudanças internas e exteriorizando sem perceber. É como se eu me sentisse livre, completamente livre para correr atrás dos sonhos que há um tempo eu nem sabiam que existiam dentro de mim e que seriam mais possíveis agora.

Às vezes, numa situação de insatisfação, é preciso arriscar. É preciso ter coragem. É preciso autoconfiança. É imprescindível abrir os braços às oportunidades e se aceitar como suficiente para fazer bom proveito delas. Não é justo sermos menos do que queremos ser. A gente precisa viajar no mundo da lua, de vez em quando, e redescobrir a criança que não tinha medo do mundo e acreditava que poderia fazer dele o que quisesse.

Eu não ando escrevendo com tanta frequência. Talvez eu esteja na fase de preferir ouvir e ler mais. Aliás, eu adoro ouvir histórias. Estou num momento de encarar que eu tenho muito a aprender, não só com livros ou aulas, mas com as pessoas. Estou me doando mais desde diálogos corriqueiros às discussões mais profundas.

Eu não quero escrever por escrever. Eu quero escrever para mudar – e, se eu for boa o suficiente, melhorar – o dia de quem me lê e eu mesma, claro. O blog, os meus leitores, significam muito pra mim e se não for para escrever com todo o meu sentimento, eu posso desaparecer por alguns dias, mas eu volto quando estiver transbordando! ❤

Enfim, só para não pensarem que eu não me importo – ou coisa do tipo – eu vou contando para vocês sobre minha nova fase (não só universitária, como a Blenda que está amadurecendo) e, para quem gosta de Instagram, ficarei pertinho de vocês pelo @cronicasdagaveta. Um abraço de urso e até o próximo post! 😉

Anúncios

Autor:

E-mail: blairpttsn@gmail.com Defenda o que você acredita e tenha orgulho por quem você é!

^-^ Me conta o que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s