Publicado em Resenhas

Resenha do Livro “Tecnologia das Construções”

Oi oi, gaveteiros!

Talvez vocês tenham sentido a falta de resenhas de livros no blog, mas é que ultimamente tenho só tenho lido os livros obrigatórios do meu curso técnico e do Enem. Portanto, a resenha de hoje será de um livro diferente dos demais que resenho por aqui. 😉

O livro “Tecnologia das Construções” me ajudou bastante com meu curso de Edificações. Eu nunca fui muito boa dos termos técnicos, sobretudo porque nunca estagiei – sad :/ -, então, na maioria das vezes, eu ficava perdida nas aulas.

E esse livro funcionou mais como um manual sobre as principais coisas que um técnico em Edificações precisa saber ao ir para o mercado de trabalho. Fiquei animada com a leitura porque aprendi inclusive coisas que meus professores ainda não ensinaram em sala de aula. Ou seja, fiquei adiantada! YAAAY, hehe.

Mas ler só esse livro não é suficiente. Apesar da leitura simples e rápida abranger vários assuntos sobre canteiros de obras, construções, máquinas, etc, ainda não é TUDO o que um técnico precisa saber. Ele é um livro focado mais na teoria, então apenas cita alguns cálculos, sem ir a fundo.

Eu, sinceramente, queria ter conhecido esse livro logo no meu primeiro ano. Ele teria me salvado de vários 8! Huahsuas. Então, se você tá começando nessa área da construção civil, deixo aqui minha indicação de leitura. O legal é que o livro tem boas referências, então qualquer dúvida, é só recorrer a elas.

Espero ter ajudado e que tirem bom proveito da leitura! Um abraço e até o próximo post. 😀

Publicado em Cinema, Comportamento, Curiosidades, Resenhas

Filme: O Jogo da Imitação

Yay, gaveteiros!

O filme “O Jogo da Imitação” é incrível que eu aposto que até os dorminhocos \o/ assistirão até o final! Hehe 😀

Sério. É um filme para os amantes de suspense, drama, biografia e até mesmo romance. Ah, e tem até umas cenas da própria Segunda Guerra Mundial! Enfim, é um excelente filme pra quem ama história. Porque além de contar um pouco da importância de Alan Turing nessa guerra, também conta um pouco da história da criação do computador. Afinal, ele é considerado o pai do computador! ❤

Então aqui vai meus agradecimentos ao tio Turing:

Obrigada por ter acelerado todo esse processo tecnológico. Graças a você, cá desfrutamos da oitava maravilha do mundo (mas que eu acho que deveria ser considerada a primeira! – cof cof): a internet. u.u huahsuas

O filme trata da história real de Turing. Ele foi o maior matemático da época. Essa habilidade o levou a trabalhar na decodificação de criptogramas alemães. Claro que Turing conseguiu, o que tornou um herói. Através de sua máquina – uma espécie de tataravô do computador que conhecemos hoje, hehe – pôde decodificar e reduzir dois anos de guerra, ou seja, salvou cerca de 14 MILHÕES de vidas.

Particularmente, Morten Tyldum fez um bom trabalho na direção. O elenco também era sensacional, sobretudo o protagonista interpretado por Benedict Cumberbatch. E a trilha sonora impecável. O fundo musical orquestrado nas cenas mais fortes sem diálogos trouxe, sem dúvidas, a emoção que supriu a falta de palavras. Portanto, palmas também ao Alexandre Desplat que contribuiu com a trilha! 😀

Agora uma questão séria que o filme trata é a homofobia da época. Fazem 60 anos e apesar disso, todas as contribuições de Turing só vieram a ser reconhecidas em 2013, quando a Rainha Elizabeth II perdoou sua homossexualidade. Isso mesmo, não foi exatamente um pedido de “desculpas”. Mesmo que na época isso tivesse sido motivo para  ser condenado com a castração química. Um dos fatores que o levou a cometer suicídio 7 anos depois.

Mas tudo bem, porque o que importa é a genialidade de Turing e a incrível história que ele fez. Não foi a toa que a cinebiografia ganhou tantas indicações (clique aqui para conferir) e eu amei o filme <3. Então, alguém ficou na curiosidade de assistir? Aposto que vão gostar! ^0^

Publicado em Curiosidades, Resenhas, TAG

TAG: Cheguei na Página 100 [Morte Súbita]

Yaaay, gaveteirosss! Prometi e cá estou para cumprir ^0^. Quando vi essa TAG rolando na blogosfera literária, fiquei muito animada para ler algum novo livro que fosse além da página 100. E o livro que escolhido foi o ~Morte Súbita~! Agora é hora de dar o #Play aqui embaixo 😉

Então, o que vocês acharam? Pretendem ler esse livro ou já leram? Me contem! Hehe. Se depois da página 100 vier muitas outras emoções, contem comigo aqui para resenhá-lo, haushau. Um abraço de urso e até o próximo post! 😛